` Pão de queijo! | Give me Flour

Give me Flour

Pão de queijo!

December 22nd, 2011

Natal é pra mim, acima de tudo, época de reunir a família. E quando eu digo família estou incluindo tias, tios, sobrinhas, sobrinhos, primos, primas, cunhados, cunhadas, até mesmo atuais namorados ou namoradas que eventualmente vão aparecer na casa da minha avó.

Não tenho tido muitas chances de passar uma noite de Natal como essa, mas sei que a cada ano uma boa parte dos meus familiares, algo em torno de 60 a 80 pessoas (acho que já nem contam mais) se reúnem para celebrar e, especialmente, para se reencontrarem. E nós comemos … … o menu não muda muito, leitoa pururuca, farofa, tutu, salpicão da minha mãe, pavê de amendoim da tia Misé, doce de leite cremoso da tia Lucia estão sempre presentes.

Com tanta gente reunida, não tem como se ter um jantar formal, daqueles em que cada um tem seu lugar certo na mesa. Cada pessoa se acomoda em um lugar e vai comendo no seu próprio ritmo, um pedaço disso, um pedaço daquilo, tentando bater um papo com aqueles que não se vê há um tempo.

E mais uma vez, com tanta gente reunida, não tem como conversar com todo mundo em uma só noite. E é pra isso que os dias seguintes ao natal servem, para reencontrarmos mais uma vez todo mundo, passar mais tempo com os entes favoritos e fofocar sobre os que…. bom, você sabe. E o que pão de queijo tem a ver com isso? Pão de queijo é a parte mais importante dos bastidores, a junta, aquele que une, o coletor, encarregado de recolher e redistribuir os grupos em um movimento incessante e repetitivo.

Cada vez que um lote de pão sai do forno, as pessoas ressurgem de onde quer que estejam para povoar a cozinha novamente. Basicamente, podemos dizer que com uma tigela de pão de queijo a festa nunca termina.

Essa receita não é minha e sim da minha querida tia Joana e sofreu apenas algumas modificações. Eu costumo usar o método tradicional, aquele em que se escalda o polvilho e em que se dá o ponto certo com ovos. Um pouco complicado se você nunca tentou fazer pão de queijo antes.

Essa receita de liquidificador, ao contrário, é quase a prova de falhas. Consegui acertar até mesmo com o tipo de polvilho que encontro aqui nos Estados Unidos. Sei que minha tia prefere usar o polvilho Amafil mas caso não encontre, use o que tiver à mão.
E então, vai um pãozinho de queijo aí?

Preaqueça o forno a 200°C. Unte 36 forminhas pequenas de empada.

Coloque os primeiros quatro ingredientes em um liquidificador e misture por cerca de um minuto.
Adicione o polvilho e pulse até homogeneizar. Raspe as laterais do copo do liquidificador para facilitar. O polvilho tem a tendência de ficar grudado.

Adicione o queijo ralado e pulse algumas vezes mais para obter uma massa homogênea.
Encha até 2/3 de cada forminha com a massa.
Asse por 15-20 minutos, até crescer e ficar levemente dourado.

Sirva ainda quente. Rende 3 dúzias de pães de queijo.

____________

Duas dicas aqui:
1. Experimente com outros queijos curados como parmesão.
2. Faça a massa e a mantenha bem coberta (com filme plástico encostando na massa) por até dois dias na geladeira.

3 Responses to “Pão de queijo!”

  1. J @ ... semplicemente ... j

    Adoro o pão de queijo! Espero um dia poder fazer em vez de comprar ja’ feito! Feliz Natal!

  2. Luciano

    Que fotos legais! Elas foram manipuladas de alguma forma? Que câmera tu usas? Ah, já coloquei o Blog no GoogleReader!

  3. amanda

    Luciano, amo fotografar e fico feliz que tenha gostado!! Tenho uma Canon 7D e geralmente trabalho com minha lente 50mm 1.4. Ah, e uso Photoshop pra editar minhas fotos.

Leave a Reply



Proudly powered by WordPress.
Copyright © Give me Flour. All rights reserved.